segunda-feira, 8 de julho de 2019

O INVEJOSO

Diz o povo " Nem o invejoso medrou, nem quem ao pé dele morou".
A inveja nota-se nos animais e até nas plantas.
Plantei uns choupos e a seu lado nasceram, do lado do sol, uns pinheiros que cresceram a par dos referidos choupos, que são árvores de crescimento rápido. Tal facto fez-me acordar e ver que no mundo vegetal também é provável haver inveja.
Quanto ao homem Francisco Bacon disse:
"O homem que não tiver virtude própria sempre inveja a virtude dos outros. A razão disso é que a alma humana nutre-se do bem próprio ou do mal alheio, e aquela que carece de um, aspira a obter o outro, e aquele que está longe de esperar obter os méritos de outrem, procurará nivelar-se com ele, destruindo-lhe a fortuna.

Sem comentários:

Enviar um comentário